Na Semana de Moda de Paris, o estilo unissex surge como tendência absoluta

DESFILE DEVASTEE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)DESFILE DEVASTEE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)

Calça boyfried, sapato Oxford, camisa oversized… São várias as peças masculinas que nos últimos tempos passaram a dar as caras também nos looks femininos. A regra era “roubar” alguns itens do guarda-roupa do namorado e adaptá-los ao seu estilo.

Casual e ultraconfortável – e com um toque transgressor – não demorou muito para essa troca fazer o maior sucesso entre as fashionistas e se estabelecer como tendência quase que atemporal. Com a ascensão do normcore, ela veio ainda mais à tona. Afinal, despretensão passou a ser a palavra de ordem na hora de se vestir.

Mas eis que nesta temporada de inverno 2015-2016, que acaba de acontecer em Paris, os designers decidiram dar um passo adiante e apostar sem receios na moda unissex.

Chega de emprestar peças ou calçados que até o momento não faziam parte do seu closet. A proposta das grifes para a próxima estação é investir em peças criadas para todos os gêneros, sem diferenciação.

LANVIN E ISEY MIYAKE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)LANVIN E ISEY MIYAKE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)

Lanvin, Paul & Joe, Issey Miyake e Dévastée sugerem conjuntos de alfaiataria soltos, de corte reto, que se adaptam a todas as silhuetas; enquanto a Kenzo indica sobreposições de casacos, saias e calças soltas – tudo com shapes afastados do corpo.

DESFILE PAUL AND JOE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)DESFILE PAUL AND JOE, INVERNO 2015-2016 (Foto: Imaxtree)

Stella McCartney preferiu resgatar o pijamismo como prova de que essa moda é para todos. Dias depois veio a Valentino com maxicasacos unissex.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *