Peças utilitárias com tons neon injetam energia ao look

info@imaxtree.com (Foto: Corey Tenold, Christine Spengler/divulgação, Collier Schorr/divulgação, Imaxtree)Pink, amarelo e laranja fluorescentes colorem peças de náilon na Prada (Foto: Corey Tenold, Christine Spengler/divulgação, Collier Schorr/divulgação, Imaxtree)

Injete energia no closet com produções tingidas com cores neon de caneta marca-texto. Hit dos anos 80 em looks esportivos, a cartela volta à cena em peças utilitárias – como no inverno da Prada. “Meu sonho é que as mulheres fortes que vivem em um mundo violento possam andar nas ruas sem medo. Eu queria exagerar uma sensação de liberdade”, contou Miuccia Prada após o desfile.

Com zíperes, náilon, elásticos e shapes confortáveis, as peças-chave lembram uniformes e roupas de proteção e com certeza não passarão despercebidas na próxima estação. Para aderir, veja abaixo uma seleção de roupas e acessórios que seguem a tendência.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Lenny Niemeyer leva seu olhar sofisticado para além das piscinas e areias (COMPLETAR COM INFOS)

Looks do verão 2018/19 de Lenny Niemeyer. As peças custam a partir de R$ 1.098. Sapatos Morena Rosa (Foto: Mariana Maltoni)Looks do verão 2018/19 de Lenny Niemeyer. As peças custam a partir de R$ 1.098. Sapatos Morena Rosa (Foto: Mariana Maltoni)

Geralmente a bordo de looks pretos, lenço de seda amarrado no pescoço e sapatos sem salto, Lenny Niemeyer é uma das figuras mais elegantes da moda brasileira – e imprime tal sofisticação também na marca que leva seu nome, fundada há quase três décadas. Seu beachwear deluxe circula desde então pelos melhores balneários do globo ? e, agora, são as peças de roupa em clima easy chic que sempre complementaram suas coleções que vêm ganhando espaço fora das areias.

No verão 2018/19, desfilado na última edição do São Paulo Fashion Week, em abril passado, a estilista assumiu definitivamente sua vocação para o prêt-à-porter: após maiôs e biquínis drapeados cruzarem a passarela, quem roubou a cena foram looks de alfaiataria desabada, feitos de seda ou tricoline. Coloridos em tons vibrantes e decorados com franjas, os conjuntos monocromáticos têm aquela elegância sem esforço que faz bonito a qualquer hora do dia – e são, inclusive, ótima pedida para um look cool de festa. “Sempre tivemos peças de roupas nas coleções, de olho principalmente nas clientes de São Paulo e do sul do País, que não consomem moda praia o ano todo. Mesmo no Rio, passado o verão, as mulheres buscam itens quentinhos, que abracem o corpo, para serem usados na praia. Mas, nesta temporada, a linha definitivamente se consolidou”, conta Lenny.

A mais carioca das paulistas, a estilista nascida em Santos é craque em pontuar suas criações com detalhes artesanais ímpares desde o primeiro biquíni que criou, em1979 (foram mais de dez anos produzindo moda praia para grifes como Fiorucci, Richards e Andrea Saletto antes de fundar a própria marca, em1991). Feitas de fios de seda e tingidas manualmente, as franjas do verão pontuam macramês que simulam um trançado de palha típico do artesanato brasileiro –são necessários até três dias para desenvolver cada peça. “Após explorar as linhas geométricas das obras da sueca Hilma af Klint no último verão, quis brincar com formas mais orgânicas – e por isso olhei para as riquezas naturais do Brasil e para as florestas. Daí também o clima utilitário, que remete a mulheres exploradoras.”

Com 20 lojas e quase quatro décadas de carreira, Lenny segue a todo vapor: criou uma linha fitness no último inverno (apenas com peças pretas – as coloridas serão introduzidas no próximo ano) e, em novembro, lança uma coleção de joias feita a quatro mãos com a paulistana Regina Dabdab. O bom gosto que corre no sangue da família vai dar mais frutos em breve: “Após me ajudar nos departamentos de estilo, styling e fotografia, minha filha Bel agora planeja abrir a própria grife”, adianta.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

As celebridades que mais faturam por post no Instagram

Kylie Jenner (Foto: Reprodução/Instagram)Kylie Jenner (Foto: Reprodução/Instagram)

Que o Instagram virou máquina de fazer dinheiro para muita celebridades não é nenhuma novidade. Mas quanto exatamente vale um post no perfil de famosos como Kim Kardashian, Neymar ou Justin Bieber? A Hopper HQ compilou uma lista do valor por post que alguns VIP’s faturam quando dão um share no Instagram.

No ano passado, o primeiro lugar ficou com Selena Gomez, que perdeu o posto em 2018 pela quase-bilionária Kylie Jenner, de 20 anos. Com análise de número de seguidores, engajamento médio e frequência de postagem, a Hopper faz a lista anualmente. Segundo seu levantamento, uma publicação no perfil da irmã Jenner-Kardashian mais nova vale nada menos que 1 milhão de dólares (cerca de R$3,74 milhões). O pódio segue com Selena Gomez em segundo lugar, faturando 800 mil por compartilhamento (quase R$3 milhões) . Em terceiro fica Kim Kardashian, que levaria 720 mil (por volta de R$2,7 mi).

Confira a seguir a lista dos “mais ricos”do Instagram:

1. Kylie Jenner  — US$1 milhão por post

Kylie Jenner (Foto: Instagram)Kylie Jenner (Foto: Instagram)

2. Selena Gomez — US$800 mil por post 

Selena Gomez no tapete vermelho do American Music Awards (Foto: Getty Images/Neilson Barnard / Staff)Selena Gomez no tapete vermelho do American Music Awards (Foto: Getty Images/Neilson Barnard / Staff)

3. Cristiano Ronaldo — US$750 mil por post

Cristiano Ronaldo com os filhos (Foto: Reprodução/Instagram)Cristiano Ronaldo com os filhos (Foto: Reprodução/Instagram)

4. Kim Kardashian —  US$720 mil por post

Kim Kardashian (Foto: Reprodução / Instagram)Kim Kardashian (Foto: Reprodução / Instagram)

5. Beyoncé — US$700 mil por post 

Beyonce no Coachella (Foto: Getty Images)Beyonce no Coachella (Foto: Getty Images)

6. Dwayne Johnson — US$650 mil por post 

Dwayne Johnson (Foto: Reprodução / Instagram)Dwayne Johnson (Foto: Reprodução / Instagram)

7. Justin Bieber — US$630 mil por post 

Justin Bieber (Foto: Reprodução/Instagram)Justin Bieber (Foto: Reprodução/Instagram)

8. Neymar — US$600 mil por post 

Neymar e Davi Lucca (Foto: Reprodução/Instagram)Neymar e Davi Lucca (Foto: Reprodução/Instagram)

9. Messi – US$500 mil por post 

Messi

Messi (Foto: Reprodução/Instagram)

10. Kendall Jenner — US$500 mil por post

Kendall Jenner (Foto: Instagram)Kendall Jenner (Foto: Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Maquiagem para pele negra: da base ao batom nude, saiba como escolher a sua

Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)

Uma das maiores dúvida das mulheres de pele negra quando o assunto é maquiagem é: como escolher uma base. “É a pergunta que eu mais ouço”, disse Daniele da Mata,  maquiadora profissional, que conversou para tirar dúvidas e dar muitas dicas sobre o tema.

O primeiro passo é encontrar seu subtom de pele. “Essa é uma informação que as meninas não sabem muito, se você encontra o seu subtom, você acha sua base ideal”, explica Dani.

O subtom de pele é dividido em amarelo, vermelho e azul, que define se sua pele é quente ou fria. “As mulheres negras brasileiras tendem a ter a pele mais para o amarelo e vermelho, mas isso depende muito de região para a região; em Salvador e Sul de Minas, por exemplo, muitas costumam ter o subtom frio”, diz a maquiadora.

Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)

Se você não sabe o subtom, a dica da Dani é observar as pessoas da sua família. “Tem índio, pessoas de pele retinta, de qual região da África seus avós vieram… isso ajuda muito. Outra dica é ir na loja e testar tudo para observar qual tom vai desaparecer entre o seu queixo, o pescoço e colo”, explica Dani. E na hora de testar, nada de passar a base na mão ou no braço, o teste deve ser feito direto no rosto.

Agora que você sabe isso, qual a única coisa que a mulher de pele negra deve evitar? base mais clara. “Porque deixa a pele mais acizentada e qualquer coisa que você coloca em cima fica pior”, diz Dani.

“A mulher negra pode usar tudo”, diz a maquiadora profissinal Dani Da Mata (Foto: Unsplash)

A maquiadora chamou atenção para um componente presente na maquiagem. “Tem que tomar cuidado com um componente que é o titânio, ele é um corante branco que estoura em todas as peles, então quanto mais tiver, mais ele vai evidenciar na pele negra. Não vai vir escrito ‘não use titânio’, mas só de você esfregar, já vai dar para perceber se o amarelo é de verdade, tipo um ocre, ou ele é meio esbranquiçado, que aí não vai servir para pele negra”, afirma Dani.

E O CORRETIVO?

Se você encontrou sua base, vai encontrar o corretivo, o pó, iluminador, blush, tudo!
“Existem três tipo de corretivo: de iluminação, de camuflagem, que deixa com cara de bonita só, e o que neutraliza, que são aqueles coloridos que esconde manchas e espinhas”, diz Dani.

A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)

PRATA OU DOURADO?

“Prata está proibido para qualquer ser humano”, brinca ela. “É difícil de trabalhar em maquiagem social, que é a do dia a dia. Quando é passarela ou publicidade, ela funciona porque você consegue direcionar as luzes para aquele olho e tonalidade, quando não tem isso, a sombra prata não dá textura para o olho, fica uma cor chapada”, explica.

Para exemplificar quando o uso da sombra prata cai super bem, Dani lembrou do clipe de “I Like That” da cantora Janelle Monáe. “No dia a dia o melhor é usar pratas com misturinhas de marrom, para a pele negra é melhor, não deixa de ser prata, mas se aproxima ao tom da pele”, diz Dani.

O dourado fica bonito na pele negra porque é do subtom. “Por isso que é incrível, mas tentamos sair um pouco disso e usar outras cores. Tem muitas meninas negras que não usam sombra marrom, mas devemos usar sim. Todas as cores são possíveis, desde que você esfume bem e use uma de acordo com seu subtom de pele”, conta Dani.

BATOM NUDE PODE?

O subtom vai definir qual o batom nude certo para a pele negra. “É só você respeitar a cor do seu lábio, você pode fazer um contorno, deixar mais rosado ou vermelho, mas o ideal é respeitar a cor da sua boca”, explica Dani.

A mulher negra pode usar tudo, resume. “Não existe uma regra, para mim influencia o humor e a roupa que eu estou, mas temos que nos permitir testar, entrar em uma loja e ousar”.

Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)

HIDRATAÇÃO JÁ!

Professora na escola DaMata Make UP, Dani diz que o que as mulheres negras devem fazer é hidratar a pele. “A pele negra tende a ser mais oleosa e é um benefício que a gente tem, dá um viço bonito e não vai envelhecer tão rápido“, diz.

A maquiadora aconselha a controlar a oleosidade em áreas-chave. “Geralmente o nariz, testa e queixo, e deixar o brilho natural nas outras áreas. A gente ficou tão acostumada a usar produtos matte que parece que não hidratamos a pele. Você pode ficar seca, mas tem que usar hidratante.”

A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Maquiagem para pele negra: da base ao batom nude, saiba como escolher a sua

Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)

Uma das maiores dúvida das mulheres de pele negra quando o assunto é maquiagem é: como escolher uma base. “É a pergunta que eu mais ouço”, disse Daniele da Mata,  maquiadora profissional, que conversou para tirar dúvidas e dar muitas dicas sobre o tema.

O primeiro passo é encontrar seu subtom de pele. “Essa é uma informação que as meninas não sabem muito, se você encontra o seu subtom, você acha sua base ideal”, explica Dani.

O subtom de pele é dividido em amarelo, vermelho e azul, que define se sua pele é quente ou fria. “As mulheres negras brasileiras tendem a ter a pele mais para o amarelo e vermelho, mas isso depende muito de região para a região; em Salvador e Sul de Minas, por exemplo, muitas costumam ter o subtom frio”, diz a maquiadora.

Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)

Se você não sabe o subtom, a dica da Dani é observar as pessoas da sua família. “Tem índio, pessoas de pele retinta, de qual região da África seus avós vieram… isso ajuda muito. Outra dica é ir na loja e testar tudo para observar qual tom vai desaparecer entre o seu queixo, o pescoço e colo”, explica Dani. E na hora de testar, nada de passar a base na mão ou no braço, o teste deve ser feito direto no rosto.

Agora que você sabe isso, qual a única coisa que a mulher de pele negra deve evitar? base mais clara. “Porque deixa a pele mais acizentada e qualquer coisa que você coloca em cima fica pior”, diz Dani.

“A mulher negra pode usar tudo”, diz a maquiadora profissinal Dani Da Mata (Foto: Unsplash)

A maquiadora chamou atenção para um componente presente na maquiagem. “Tem que tomar cuidado com um componente que é o titânio, ele é um corante branco que estoura em todas as peles, então quanto mais tiver, mais ele vai evidenciar na pele negra. Não vai vir escrito ‘não use titânio’, mas só de você esfregar, já vai dar para perceber se o amarelo é de verdade, tipo um ocre, ou ele é meio esbranquiçado, que aí não vai servir para pele negra”, afirma Dani.

E O CORRETIVO?

Se você encontrou sua base, vai encontrar o corretivo, o pó, iluminador, blush, tudo!
“Existem três tipo de corretivo: de iluminação, de camuflagem, que deixa com cara de bonita só, e o que neutraliza, que são aqueles coloridos que esconde manchas e espinhas”, diz Dani.

A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)

PRATA OU DOURADO?

“Prata está proibido para qualquer ser humano”, brinca ela. “É difícil de trabalhar em maquiagem social, que é a do dia a dia. Quando é passarela ou publicidade, ela funciona porque você consegue direcionar as luzes para aquele olho e tonalidade, quando não tem isso, a sombra prata não dá textura para o olho, fica uma cor chapada”, explica.

Para exemplificar quando o uso da sombra prata cai super bem, Dani lembrou do clipe de “I Like That” da cantora Janelle Monáe. “No dia a dia o melhor é usar pratas com misturinhas de marrom, para a pele negra é melhor, não deixa de ser prata, mas se aproxima ao tom da pele”, diz Dani.

O dourado fica bonito na pele negra porque é do subtom. “Por isso que é incrível, mas tentamos sair um pouco disso e usar outras cores. Tem muitas meninas negras que não usam sombra marrom, mas devemos usar sim. Todas as cores são possíveis, desde que você esfume bem e use uma de acordo com seu subtom de pele”, conta Dani.

BATOM NUDE PODE?

O subtom vai definir qual o batom nude certo para a pele negra. “É só você respeitar a cor do seu lábio, você pode fazer um contorno, deixar mais rosado ou vermelho, mas o ideal é respeitar a cor da sua boca”, explica Dani.

A mulher negra pode usar tudo, resume. “Não existe uma regra, para mim influencia o humor e a roupa que eu estou, mas temos que nos permitir testar, entrar em uma loja e ousar”.

Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)

HIDRATAÇÃO JÁ!

Professora na escola DaMata Make UP, Dani diz que o que as mulheres negras devem fazer é hidratar a pele. “A pele negra tende a ser mais oleosa e é um benefício que a gente tem, dá um viço bonito e não vai envelhecer tão rápido“, diz.

A maquiadora aconselha a controlar a oleosidade em áreas-chave. “Geralmente o nariz, testa e queixo, e deixar o brilho natural nas outras áreas. A gente ficou tão acostumada a usar produtos matte que parece que não hidratamos a pele. Você pode ficar seca, mas tem que usar hidratante.”

A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Sophie Charlotte diz que ser mãe mudou sua vida: “Saí do meu umbigo”

Sophie Charlotte com Otto (Foto: Reprodução/Instagram)Sophie Charlotte com Otto (Foto: Reprodução/Instagram)

Sophie Charlotte mudou completamente sua visão de mundo no dia 14 de março de 2016, data em que nasceu seu único filho, Otto, do casamento com o ator Daniel de Oliveira. Hoje, dois anos depois, a atriz diz que a maternidade mudou completamente sua vida e visão de mundo. Antes, ela tinha um foco maior em si mesma e agora consegue enxergar mais amplamente.

“Mudou tudo. É um portal! É um ponto de vista diferente. Você não é mais apenas filho, mas também é pai. As relações vão mudando como um dominó. Sua responsabilidade com o mundo e com quem está em volta também mudam. É um caleidoscópio que só multiplica e você se abre. Para cada mulher é diferente, mas pra mim foi sair um pouco do meu umbigo e poder olhar para o outro sem achar que isso não é uma perda de si mesma”, comenta.

Daniel de Oliveira, Sophie Charlotte e o pequeno Otto (Foto: Reprodução Instagram)Daniel de Oliveira, Sophie Charlotte e o pequeno Otto (Foto: Reprodução Instagram)

Se dividir entre carreira e família parece algo possível somente às mulheres, mas a atriz já não se cobra mais para ser uma supermulher. Ela defende que essa realidade não deva mais ser algo exclusivo delas.

“Por muito tempo a gente sustentou um lugar de multitarefas: quanto responsabilidades e potencialidades eu levantar, mais incrível eu sou como mulher. Isso não é verdade! Isso é a causa de grandes frustrações de boa parte delas de não conseguir dar conta e ser difícil de admitir isso. É difícil equilibrar esses pilares que são tão importantes e que falam tanto ao meu coração. Tenho um ofício que sou absolutamente devota e tenho um filho que é a melhor coisa que aconteceu na minha vida, minha maior demonstração de amor. Não posso ficar sem nenhum deles. Não tenho receita. Deixo meu coração e a realidade agirem. Não posso estar em dois lugares ao mesmo tempo, mas estarei onde eu puder.”

Sophie Charlotte (Foto: Reprodução / Instagram)Sophie Charlotte (Foto: Reprodução / Instagram)

Por falar em Otto, recentemente Sophie descoloriu o cabelo para a nova série Ilha de Ferro, que ainda não tem previsão de estreia, e aproveitou o fim das gravações para colorir seu cabelo de rosa e fez uma grande surpresa para o filho.

“Acordei, não avisei pra ninguém, pintei e apareci assim. Foi cabelo que o Otto mais gostou. Imagina uma mãe com um cabelo rosa? Era quase um unicórnio dentro de casa. Ele pegava no meu cabelo, gostou e eu também. Fiquei um mês porque passei uma tinta semipermanente. Ele foi diminuindo até desaparecer. Tudo é muito bem pensado com relação ao meu cabelo. Eu gosto de me experimentar e me ver no espelho quase sem me reconhecer”, afirma.

Apesar de ter uma manutenção difícil, ela amo platinar as madeixas. A atriz diz que também queria fazer uma “loucurinha” no cabelo e aproveitou para dar uma escapadinha no visual.

“É meu momento para explorar os visuais. Amei me ver diferente e tudo mudo com relação às cores, os cortes e até seu próprio humor”, finaliza.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Selva Almada critica peso da religião em legalização de aborto no Brasil

Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)

“Educação sexual para decidir, anticoncepcionais para não abortar, aborto legal para não morrer”. Foi sob essas palavras de ordem que 129 deputadas e deputados argentinos aprovaram a descriminalização do aborto no país.

Em votação acirrada, indefinida até os últimos minutos, o projeto de lei que defende a legalização da interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana passou pela Câmara dos Deputados, em Buenos Aires, e agora segue para o Senado. “Havendo aprovação no Senado, existe uma terceira instância, a sanção presidencial. O presidente Mauricio Macri já se pronunciou publicamente dizendo que não iria exercer seu direito de veto, mas não há como ter certeza até o fim do processo todo”, explica a advogada argentina Ana Casarin.

Macri tem dez dias para vetar. Se não o fizer, a lei deve ser publicada no Boletim Oficial e, se não for estipulado um prazo diferente no próprio texto, ela passará a ter vigência oito dias após a publicação. “Porém, para o efetivo exercício do direito, para que as mulheres possam ir na rede pública e ter acesso ao aborto num hospital público, de maneira gratuita e segura, a lei ainda precisa ser regulamentada”, esclarece Ana.

Em entrevista, a escritora argentina Selva Almada, que se opõe ao atual governo, disse que Macri fez o que qualquer governante deve fazer: colocar suas crenças pessoais de lado, abrir o debate, permitir que os cidadãos se pronunciem e que os legisladores trabalhem. “Não sei quais são suas razões mais íntimas, e também não me importo. Há algumas horas, 129 deputados votaram a favor da legalização do aborto graças à luta das mulheres nas ruas.”

Uma das convidadas da Feira Literária de Paraty (Flip) deste ano, Almada é autora do livro do livro Garotas Mortas (ed. Todavia, 128 págs., R$ 40,90), investigação sobre três feminicídios que ocorreram na Argentina logo após a redemocratização do país.  

A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)

Mortes maternas

“A clandestinidade mata”, pontuou a deputada argentina Victoria Donda Perez na defesa de seu voto. Seu pensamento é amplamente difundido entre as mulheres do país, que fazem questão de reforçar que essa batalha já vem sendo travada há anos. “Nos últimos meses, o debate se deu aos gritos, em voz alta, mas não começou agora. Podemos dizer que agora tomou a sociedade. Todos e todas nos animamos a falar de algo que era um segredo aberto: o aborto existe, são 500 mil por ano, a questão é descriminalizá-lo”, defende Almada.

Segundo a Anistia Internacional, o aborto é a principal causa de morte materna (quando mulheres morrem durante ou até 42 dias após o término da gestação, independentemente da duração ou localização da gravidez) em 17 das 24 províncias argentinas.

“Apesar de a geração da vida exigir duas pessoas, os ônus da gravidez recaem única e exclusivamente sobre a mulher”, diz a advogada Marina Ganzarolli, fundadora da rede feminista de juristas deFEMde. A descriminalização da prática traria a “melhora dos índices de mortalidade materna e dos indicadores gerais de saúde sexual e reprodutiva das mulheres.”

Do lado de cá da fronteira

No Brasil, o aborto é crime para o qual existem três exceções: quando há risco de morte para a mãe, quando a gravidez é decorrente de estupro e em casos de feto anencéfalo. “Duas delas são legais, escritas no código penal. A terceira foi conquistada por jurisprudência, por decisão do Supremo Tribunal Federal”, explica Marina.

Todas as outras possibilidades são criminalizadas. “Isso faz com que agentes de saúde, médicos e enfermeiros tenham receio de realizar o procedimento, inclusive em casos legais. Muitos alegam objeção de consciência e não garantem a lei. Em alguns estados, essa é a primeira causa da morte materna, como por exemplo na Bahia, que é o estado com mais mulheres negras no Brasil.”

“O aborto já existe para mulheres brancas com privilégios econômicos. Então, quando a gente fala de direito ao aborto, fala de direito à vida”

Para ela, a questão ainda vai além da saúde pública e recai na liberdade e autonomia sobre o corpo. “Um dos mitos que envolvem o debate é que a legalização geraria um aumento no número de procedimentos, o que é a maior falácia do universo. Países que legalizaram o aborto e têm extensas pesquisas baseadas em evidências viram o número cair”, pontua.

Diferentemente da Argentina, pesquisas apontam que o tema do aborto divide opiniões entre a população brasileira, mas a maioria ainda é contra. Um levantamento do Latinobarômetro de 2015 aponta que 50,3% dos brasileiros defendem que o aborto “nunca é justificável”.

Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)

Selva Almada acredita que o fato se dá pela influência da igreja no país. “Além do enorme peso da igreja católica, vocês também têm a popularidade da igreja evangélica”, diz. Na Argentina, existe uma melhor separação entre a igreja e o Estado. “No papel, somos países laicos, mas na prática, infelizmente, o catolicismo pesa nas decisões do Estado.”

“Espero que a Argentina abra um precedente para outros países da América Latina, porque obviamente não somos o único país em que as mulheres pobres morrem por abortar clandestinamente”

ADPF 442

A ministra Rosa Weber, relatora da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442, convocou uma audiência pública para debater a criminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. O objetivo é que o STF exclua do Código Penal a interrupção da gestação induzida e voluntária nas primeiras 12 semanas.

Marina Ganzarolli diz que a decisão na Argentina é positiva para o Brasil. “O principal impacto é movimentar a esfera pública e o debate na mídia, na família e nas escolas sobre a necessidade de rever a política pública e o acesso aos direitos sexuais reprodutivos das mulheres.”

Dado o atual contexto político do Brasil, no entanto, Marina não acredita que esse direito seja conquistado neste momento. “O STF não quer se colocar na berlinda com tamanha instabilidade política e ainda não tem maioria para ampliar, legalizar e descriminalizar o aborto no Brasil.”

A advogada Vivian Ferreira, também integrante da deFEMde, destaca ainda a falta de tempo hábil para a aprovação de uma pauta como essa antes das eleições e o desinteresse do governo Temer na pauta. “A questão é bastante polêmica e o governo está em uma condição complicada do ponto de vista de legitimidade, com baixíssimo índice de aprovação. Não poderia correr o risco de perder o apoio dos setores conservadores, que o sustentam, a poucos meses do processo eleitoral”, diz.

A audiência pública será realizada no plenário da 1ª Turma do Supremo, nos próximos dias 3 e 6 de agosto, a partir das 8h40.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Agencias de Modelos BH Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Selva Almada critica peso da religião em legalização de aborto no Brasil

Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)

“Educação sexual para decidir, anticoncepcionais para não abortar, aborto legal para não morrer”. Foi sob essas palavras de ordem que 129 deputadas e deputados argentinos aprovaram a descriminalização do aborto no país.

Em votação acirrada, indefinida até os últimos minutos, o projeto de lei que defende a legalização da interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana passou pela Câmara dos Deputados, em Buenos Aires, e agora segue para o Senado. “Havendo aprovação no Senado, existe uma terceira instância, a sanção presidencial. O presidente Mauricio Macri já se pronunciou publicamente dizendo que não iria exercer seu direito de veto, mas não há como ter certeza até o fim do processo todo”, explica a advogada argentina Ana Casarin.

Macri tem dez dias para vetar. Se não o fizer, a lei deve ser publicada no Boletim Oficial e, se não for estipulado um prazo diferente no próprio texto, ela passará a ter vigência oito dias após a publicação. “Porém, para o efetivo exercício do direito, para que as mulheres possam ir na rede pública e ter acesso ao aborto num hospital público, de maneira gratuita e segura, a lei ainda precisa ser regulamentada”, esclarece Ana.

Em entrevista, a escritora argentina Selva Almada, que se opõe ao atual governo, disse que Macri fez o que qualquer governante deve fazer: colocar suas crenças pessoais de lado, abrir o debate, permitir que os cidadãos se pronunciem e que os legisladores trabalhem. “Não sei quais são suas razões mais íntimas, e também não me importo. Há algumas horas, 129 deputados votaram a favor da legalização do aborto graças à luta das mulheres nas ruas.”

Uma das convidadas da Feira Literária de Paraty (Flip) deste ano, Almada é autora do livro do livro Garotas Mortas (ed. Todavia, 128 págs., R$ 40,90), investigação sobre três feminicídios que ocorreram na Argentina logo após a redemocratização do país.  

A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)

Mortes maternas

“A clandestinidade mata”, pontuou a deputada argentina Victoria Donda Perez na defesa de seu voto. Seu pensamento é amplamente difundido entre as mulheres do país, que fazem questão de reforçar que essa batalha já vem sendo travada há anos. “Nos últimos meses, o debate se deu aos gritos, em voz alta, mas não começou agora. Podemos dizer que agora tomou a sociedade. Todos e todas nos animamos a falar de algo que era um segredo aberto: o aborto existe, são 500 mil por ano, a questão é descriminalizá-lo”, defende Almada.

Segundo a Anistia Internacional, o aborto é a principal causa de morte materna (quando mulheres morrem durante ou até 42 dias após o término da gestação, independentemente da duração ou localização da gravidez) em 17 das 24 províncias argentinas.

“Apesar de a geração da vida exigir duas pessoas, os ônus da gravidez recaem única e exclusivamente sobre a mulher”, diz a advogada Marina Ganzarolli, fundadora da rede feminista de juristas deFEMde. A descriminalização da prática traria a “melhora dos índices de mortalidade materna e dos indicadores gerais de saúde sexual e reprodutiva das mulheres.”

Do lado de cá da fronteira

No Brasil, o aborto é crime para o qual existem três exceções: quando há risco de morte para a mãe, quando a gravidez é decorrente de estupro e em casos de feto anencéfalo. “Duas delas são legais, escritas no código penal. A terceira foi conquistada por jurisprudência, por decisão do Supremo Tribunal Federal”, explica Marina.

Todas as outras possibilidades são criminalizadas. “Isso faz com que agentes de saúde, médicos e enfermeiros tenham receio de realizar o procedimento, inclusive em casos legais. Muitos alegam objeção de consciência e não garantem a lei. Em alguns estados, essa é a primeira causa da morte materna, como por exemplo na Bahia, que é o estado com mais mulheres negras no Brasil.”

“O aborto já existe para mulheres brancas com privilégios econômicos. Então, quando a gente fala de direito ao aborto, fala de direito à vida”

Para ela, a questão ainda vai além da saúde pública e recai na liberdade e autonomia sobre o corpo. “Um dos mitos que envolvem o debate é que a legalização geraria um aumento no número de procedimentos, o que é a maior falácia do universo. Países que legalizaram o aborto e têm extensas pesquisas baseadas em evidências viram o número cair”, pontua.

Diferentemente da Argentina, pesquisas apontam que o tema do aborto divide opiniões entre a população brasileira, mas a maioria ainda é contra. Um levantamento do Latinobarômetro de 2015 aponta que 50,3% dos brasileiros defendem que o aborto “nunca é justificável”.

Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)

Selva Almada acredita que o fato se dá pela influência da igreja no país. “Além do enorme peso da igreja católica, vocês também têm a popularidade da igreja evangélica”, diz. Na Argentina, existe uma melhor separação entre a igreja e o Estado. “No papel, somos países laicos, mas na prática, infelizmente, o catolicismo pesa nas decisões do Estado.”

“Espero que a Argentina abra um precedente para outros países da América Latina, porque obviamente não somos o único país em que as mulheres pobres morrem por abortar clandestinamente”

ADPF 442

A ministra Rosa Weber, relatora da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442, convocou uma audiência pública para debater a criminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. O objetivo é que o STF exclua do Código Penal a interrupção da gestação induzida e voluntária nas primeiras 12 semanas.

Marina Ganzarolli diz que a decisão na Argentina é positiva para o Brasil. “O principal impacto é movimentar a esfera pública e o debate na mídia, na família e nas escolas sobre a necessidade de rever a política pública e o acesso aos direitos sexuais reprodutivos das mulheres.”

Dado o atual contexto político do Brasil, no entanto, Marina não acredita que esse direito seja conquistado neste momento. “O STF não quer se colocar na berlinda com tamanha instabilidade política e ainda não tem maioria para ampliar, legalizar e descriminalizar o aborto no Brasil.”

A advogada Vivian Ferreira, também integrante da deFEMde, destaca ainda a falta de tempo hábil para a aprovação de uma pauta como essa antes das eleições e o desinteresse do governo Temer na pauta. “A questão é bastante polêmica e o governo está em uma condição complicada do ponto de vista de legitimidade, com baixíssimo índice de aprovação. Não poderia correr o risco de perder o apoio dos setores conservadores, que o sustentam, a poucos meses do processo eleitoral”, diz.

A audiência pública será realizada no plenário da 1ª Turma do Supremo, nos próximos dias 3 e 6 de agosto, a partir das 8h40.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Agencias de Modelos BH Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Michelle posta foto do seu casamento com Obama e se declara

Michelle e Barack Obama (Foto: Reprodução/Instagram)Michelle e Barack Obama (Foto: Reprodução/Instagram)

A ex-primeira-dama Michelle Obama decidiu utilizar o seu perfil no Instagram para se declarar para o marido, o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama. Michelle postou uma foto da festa de casamento deles, realizada em 1992, e se declarou, relembrando os anos de parceria e amor que eles vivenciam juntos desde então.

“Você não consegue saber por essa foto, mas Barack acordou no dia do nosso casamento em outubro de 1992 com um desagradável resfriado. De alguma forma, no momento em que eu o encontrei no altar, o resfriado havia desaparecido milagrosamente e acabamos dançando quase a noite toda. Vinte e cinco anos depois, ainda estamos nos divertindo, ao mesmo tempo em que fazemos o trabalho duro para construir nossa parceria e apoiar um ao outro como indivíduos. Eu não posso imaginar indo a este passeio selvagem com mais ninguém.”

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Juliana Herc quer levar a moda brasileira para o mundo

Juliana Herc (Foto: DIvulgação)Juliana Herc (Foto: DIvulgação)

Se você quer abrir um negócio, é natural pensar que esse trabalho ficará alocado no seu país de origem, certo? Não para Juliana Herc, a estilista brasileira que começou levando as suas criações para o exterior.

A designer começou no ofício como toda criança que pensa no que gostaria de fazer quando crescesse: ela acompanhava a mãe, que trabalhava com tecidos, e imitava os estilistas que criavam croquis no papel. À sua maneira, ela também desenhava e sentia que fazia o mesmo que eles.

Com o tempo, sentiu que talvez isso não fosse exatamente o que queria como profissão, e associava a criação de roupas diretamente com costura. Porém, quando foi estudar design, ela entendeu que criar roupas vai muito além da linha e da agulha e encontrou na moda o seu lugar.

O mais curioso de sua história é que Juliana não abriu sua primeira loja no Brasil, como seria esperado (e como citamos no primeiro parágrafo). Na verdade, ela decidiu estabelecer o seu primeiro endereço em Portugal, em um ambiente cercado de luxo e onde teria muita visibilidade. “Foi mesmo por uma questão estratégica. A primeira loja que abri em Lisboa foi na Avenida da Liberdade, que está entre as mais emblemáticas do mundo. E lá não há nenhuma outra marca brasileira a não ser a Juliana Herc”, explica ela em entrevista exclusiva para Marie Claire. Isso, claro, não significa que o Brasil não está nos planos da designer, que espera também abrir lojas por aqui no futuro.

O macacão Juliana Herc no nosso ensaio Paris Mon Amour (Foto: Leo Faria)O macacão Juliana Herc no nosso ensaio Paris Mon Amour (Foto: Leo Faria)

A estratégia de começar na capital portuguesa funcionou, porque ela explica que abrir sua primeira loja por lá foi como criar uma vitrine para o restante do mundo, colocando a sua marca no radar global. E essa vantagem foi muito importante para que Juliana conseguisse mudar a imagem que o mundo tem da moda brasileira, principalmente a respeito do rigor e da qualidade do produto. “Acredito que contribuo para desmistificar isso e a ideia do folclórico”, explica ela.

O diferencial da designer é que, antes de mais nada, ela tenta satisfazer a si mesma como consumidora da sua marca – só assim ela consegue ter certeza que as suas consumidoras finais ficarão satisfeitas quando forem à loja. “Me envolvo em todas as etapas, experimento tudo o que crio para me certificar de que vai ter o melhor caimento, o melhor acabamento, a melhor finalização. Amo vestir as mulheres como amo vestir a mim mesma”.

Para ela, inspirações são sempre muito relativas – afinal, qualquer coisa pode servir como uma inspiração para qualquer atividade, basta saber onde o seu olhar está focado. Porém, para ela o sóbrio sempre foi a maior inspiração de todas. “Não é proposital, é mesmo meu gosto e identificação pessoal. A minha identidade brasileira está em evidenciar as formas e o caimento das peças”, diz.

Quanto a desfilar em grandes eventos de moda, como o próprio São Paulo Fashion Week, Juliana explica que tem um apreço especial por qualquer ação ou proposta em relação ao seu país. “Desfilar no Brasil traria um reconhecimento do meu povo pelo que faço pela nossa moda aqui fora. Qualquer relação da marca com o Brasil, para mim, é uma alegria”.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL , LEQUIPE AGENCE, Way Model