Maquiagem para pele negra: da base ao batom nude, saiba como escolher a sua

Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)

Uma das maiores dúvida das mulheres de pele negra quando o assunto é maquiagem é: como escolher uma base. “É a pergunta que eu mais ouço”, disse Daniele da Mata,  maquiadora profissional, que conversou para tirar dúvidas e dar muitas dicas sobre o tema.

O primeiro passo é encontrar seu subtom de pele. “Essa é uma informação que as meninas não sabem muito, se você encontra o seu subtom, você acha sua base ideal”, explica Dani.

O subtom de pele é dividido em amarelo, vermelho e azul, que define se sua pele é quente ou fria. “As mulheres negras brasileiras tendem a ter a pele mais para o amarelo e vermelho, mas isso depende muito de região para a região; em Salvador e Sul de Minas, por exemplo, muitas costumam ter o subtom frio”, diz a maquiadora.

Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)

Se você não sabe o subtom, a dica da Dani é observar as pessoas da sua família. “Tem índio, pessoas de pele retinta, de qual região da África seus avós vieram… isso ajuda muito. Outra dica é ir na loja e testar tudo para observar qual tom vai desaparecer entre o seu queixo, o pescoço e colo”, explica Dani. E na hora de testar, nada de passar a base na mão ou no braço, o teste deve ser feito direto no rosto.

Agora que você sabe isso, qual a única coisa que a mulher de pele negra deve evitar? base mais clara. “Porque deixa a pele mais acizentada e qualquer coisa que você coloca em cima fica pior”, diz Dani.

“A mulher negra pode usar tudo”, diz a maquiadora profissinal Dani Da Mata (Foto: Unsplash)

A maquiadora chamou atenção para um componente presente na maquiagem. “Tem que tomar cuidado com um componente que é o titânio, ele é um corante branco que estoura em todas as peles, então quanto mais tiver, mais ele vai evidenciar na pele negra. Não vai vir escrito ‘não use titânio’, mas só de você esfregar, já vai dar para perceber se o amarelo é de verdade, tipo um ocre, ou ele é meio esbranquiçado, que aí não vai servir para pele negra”, afirma Dani.

E O CORRETIVO?

Se você encontrou sua base, vai encontrar o corretivo, o pó, iluminador, blush, tudo!
“Existem três tipo de corretivo: de iluminação, de camuflagem, que deixa com cara de bonita só, e o que neutraliza, que são aqueles coloridos que esconde manchas e espinhas”, diz Dani.

A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)

PRATA OU DOURADO?

“Prata está proibido para qualquer ser humano”, brinca ela. “É difícil de trabalhar em maquiagem social, que é a do dia a dia. Quando é passarela ou publicidade, ela funciona porque você consegue direcionar as luzes para aquele olho e tonalidade, quando não tem isso, a sombra prata não dá textura para o olho, fica uma cor chapada”, explica.

Para exemplificar quando o uso da sombra prata cai super bem, Dani lembrou do clipe de “I Like That” da cantora Janelle Monáe. “No dia a dia o melhor é usar pratas com misturinhas de marrom, para a pele negra é melhor, não deixa de ser prata, mas se aproxima ao tom da pele”, diz Dani.

O dourado fica bonito na pele negra porque é do subtom. “Por isso que é incrível, mas tentamos sair um pouco disso e usar outras cores. Tem muitas meninas negras que não usam sombra marrom, mas devemos usar sim. Todas as cores são possíveis, desde que você esfume bem e use uma de acordo com seu subtom de pele”, conta Dani.

BATOM NUDE PODE?

O subtom vai definir qual o batom nude certo para a pele negra. “É só você respeitar a cor do seu lábio, você pode fazer um contorno, deixar mais rosado ou vermelho, mas o ideal é respeitar a cor da sua boca”, explica Dani.

A mulher negra pode usar tudo, resume. “Não existe uma regra, para mim influencia o humor e a roupa que eu estou, mas temos que nos permitir testar, entrar em uma loja e ousar”.

Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)

HIDRATAÇÃO JÁ!

Professora na escola DaMata Make UP, Dani diz que o que as mulheres negras devem fazer é hidratar a pele. “A pele negra tende a ser mais oleosa e é um benefício que a gente tem, dá um viço bonito e não vai envelhecer tão rápido“, diz.

A maquiadora aconselha a controlar a oleosidade em áreas-chave. “Geralmente o nariz, testa e queixo, e deixar o brilho natural nas outras áreas. A gente ficou tão acostumada a usar produtos matte que parece que não hidratamos a pele. Você pode ficar seca, mas tem que usar hidratante.”

A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Maquiagem para pele negra: da base ao batom nude, saiba como escolher a sua

Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)Daniele Da Mata é maquiadora profissional especialista em pele negra (Foto: Divulgação)

Uma das maiores dúvida das mulheres de pele negra quando o assunto é maquiagem é: como escolher uma base. “É a pergunta que eu mais ouço”, disse Daniele da Mata,  maquiadora profissional, que conversou para tirar dúvidas e dar muitas dicas sobre o tema.

O primeiro passo é encontrar seu subtom de pele. “Essa é uma informação que as meninas não sabem muito, se você encontra o seu subtom, você acha sua base ideal”, explica Dani.

O subtom de pele é dividido em amarelo, vermelho e azul, que define se sua pele é quente ou fria. “As mulheres negras brasileiras tendem a ter a pele mais para o amarelo e vermelho, mas isso depende muito de região para a região; em Salvador e Sul de Minas, por exemplo, muitas costumam ter o subtom frio”, diz a maquiadora.

Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)Para escolher a base certa para a pele negra você tem que descobrir seu subtom (Foto: Unsplash)

Se você não sabe o subtom, a dica da Dani é observar as pessoas da sua família. “Tem índio, pessoas de pele retinta, de qual região da África seus avós vieram… isso ajuda muito. Outra dica é ir na loja e testar tudo para observar qual tom vai desaparecer entre o seu queixo, o pescoço e colo”, explica Dani. E na hora de testar, nada de passar a base na mão ou no braço, o teste deve ser feito direto no rosto.

Agora que você sabe isso, qual a única coisa que a mulher de pele negra deve evitar? base mais clara. “Porque deixa a pele mais acizentada e qualquer coisa que você coloca em cima fica pior”, diz Dani.

“A mulher negra pode usar tudo”, diz a maquiadora profissinal Dani Da Mata (Foto: Unsplash)

A maquiadora chamou atenção para um componente presente na maquiagem. “Tem que tomar cuidado com um componente que é o titânio, ele é um corante branco que estoura em todas as peles, então quanto mais tiver, mais ele vai evidenciar na pele negra. Não vai vir escrito ‘não use titânio’, mas só de você esfregar, já vai dar para perceber se o amarelo é de verdade, tipo um ocre, ou ele é meio esbranquiçado, que aí não vai servir para pele negra”, afirma Dani.

E O CORRETIVO?

Se você encontrou sua base, vai encontrar o corretivo, o pó, iluminador, blush, tudo!
“Existem três tipo de corretivo: de iluminação, de camuflagem, que deixa com cara de bonita só, e o que neutraliza, que são aqueles coloridos que esconde manchas e espinhas”, diz Dani.

A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)A maquiadora Dani conta que para o dia a dia é melhor evitar a sombra prata (Foto: Reprodução / Instagram)

PRATA OU DOURADO?

“Prata está proibido para qualquer ser humano”, brinca ela. “É difícil de trabalhar em maquiagem social, que é a do dia a dia. Quando é passarela ou publicidade, ela funciona porque você consegue direcionar as luzes para aquele olho e tonalidade, quando não tem isso, a sombra prata não dá textura para o olho, fica uma cor chapada”, explica.

Para exemplificar quando o uso da sombra prata cai super bem, Dani lembrou do clipe de “I Like That” da cantora Janelle Monáe. “No dia a dia o melhor é usar pratas com misturinhas de marrom, para a pele negra é melhor, não deixa de ser prata, mas se aproxima ao tom da pele”, diz Dani.

O dourado fica bonito na pele negra porque é do subtom. “Por isso que é incrível, mas tentamos sair um pouco disso e usar outras cores. Tem muitas meninas negras que não usam sombra marrom, mas devemos usar sim. Todas as cores são possíveis, desde que você esfume bem e use uma de acordo com seu subtom de pele”, conta Dani.

BATOM NUDE PODE?

O subtom vai definir qual o batom nude certo para a pele negra. “É só você respeitar a cor do seu lábio, você pode fazer um contorno, deixar mais rosado ou vermelho, mas o ideal é respeitar a cor da sua boca”, explica Dani.

A mulher negra pode usar tudo, resume. “Não existe uma regra, para mim influencia o humor e a roupa que eu estou, mas temos que nos permitir testar, entrar em uma loja e ousar”.

Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)Dani tem uma escola de maquiagem especializada em pele negra, a DaMata Make UP (Foto: Divulgação)

HIDRATAÇÃO JÁ!

Professora na escola DaMata Make UP, Dani diz que o que as mulheres negras devem fazer é hidratar a pele. “A pele negra tende a ser mais oleosa e é um benefício que a gente tem, dá um viço bonito e não vai envelhecer tão rápido“, diz.

A maquiadora aconselha a controlar a oleosidade em áreas-chave. “Geralmente o nariz, testa e queixo, e deixar o brilho natural nas outras áreas. A gente ficou tão acostumada a usar produtos matte que parece que não hidratamos a pele. Você pode ficar seca, mas tem que usar hidratante.”

A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)A pele negra também precisa de hidratação, use produtos hidratantes e água termal (Foto: Reprodução / Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Thalia revela que sua vida pode virar uma série de TV

Cantora mexicana Thalia quer virar série de TV (Foto: Getty Images)Cantora mexicana Thalia quer virar série de TV (Foto: Getty Images)

A estrela latina Thalia revelou que sua vida pode ganhar uma série biográfica em uma entrevista para a rádio LatinPop. O formato de série está fazendo sucesso e outras estrelas, como Luis Miguel e Gloria Trevi, têm sua biografia televisionada.

“Eu sinto que eu vivi cinco vidas diferentes. Aconteceram tantas coisas comigo que esse teria que ser um trabalho de adaptação longo e muito bem feito, mas eu não descarto”, diz Thalia sobre a ideia de ter uma série.

A cantora disse ainda que teria que ser projeto muito “inovador”, mas sem revelar mais detalhes. Para a rádio, Thalia contou que tem urgência de vir ao Brasil.

Thalia contou em entrevista para rádio que tem urgência de vir ao Brasil (Foto: Getty Images)Thalia contou em entrevista para rádio que tem urgência de vir ao Brasil (Foto: Getty Images)

A estrela mexicana de 46 anos lançou seu último single, No Me Acuerdo, em junho com participação de Natti Natasha. “Essa é uma música com uma história muito divertida. Todo mundo já passou por isso que ela conta, esse blackout, não lembrar de alguma coisa. É uma música sexy, mas também de empoderamento, de uma mulher dizer: ‘se você gosta que bom, mas se não gosta, adeus”, disse Thalia.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Você veste hip-hop? Costanza Pascolato atesta influência do gênero na moda

O processo criativo por trás das trilhas mais emocionantes da SPFW (Foto: Divulgação)O processo criativo por trás das trilhas mais emocionantes da SPFW (Foto: Divulgação)

Para quem faz hip-hop, falar através da música não é o suficiente – a moda também é forte via de expressão. Criado nos ano 1980, o gênero ultrapassou os limites das pick-ups e viu seu estilo explodir no universo fashion. Constanza Pascolato atesta o boom da cultura urbana.  

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop?  (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

“Minha educação musical começou aos quatro anos, com meu pai me ensinando a escutar música clássica. Acompanhei a entrada da música negra na cultura ocidental e sei o quanto foi fundamental para todo som que foi produzido até hoje”, comentou a consultora de moda nos bastidores do SPFW

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Um exemplo: se você ama usar sneakers e marcas como Adidas, deve saber que a label virou sinônimo do hip-hop graças ao Run DMC (grupo de rap que causou um enorme impacto no desenvolvimento do hip hop), os primeiros a lançar uma coleção de moda icônica logo após o single My Adidas. Essa foi a primeira parceria entre uma grande empresa e o gênero musical, que abriu portas para outros grandes nomes do rap internacional como Kanye West, Pharrell Wiliams, Pusha T e Snoop Dogg.

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Os sneakers e os looks esportivos roubam a cena da vez, vide a febre do tênis branco e ugly sneaker que foram parar nas passarelas de grifes tradicionais, como Chanel, Balenciaga e Louis Vuitton.

“Tudo que é novo é filho do hip-hop. Se você olhar em volta, está todo mundo vestindo frutos dessa cultura em várias ocasiões da vida. Música, comportamento e moda: está tudo ligado”, finaliza.

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Você veste hip-hop? Costanza Pascolato atesta influência do gênero na moda

O processo criativo por trás das trilhas mais emocionantes da SPFW (Foto: Divulgação)O processo criativo por trás das trilhas mais emocionantes da SPFW (Foto: Divulgação)

Para quem faz hip-hop, falar através da música não é o suficiente – a moda também é forte via de expressão. Criado nos ano 1980, o gênero ultrapassou os limites das pick-ups e viu seu estilo explodir no universo fashion. Constanza Pascolato atesta o boom da cultura urbana.  

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop?  (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

“Minha educação musical começou aos quatro anos, com meu pai me ensinando a escutar música clássica. Acompanhei a entrada da música negra na cultura ocidental e sei o quanto foi fundamental para todo som que foi produzido até hoje”, comentou a consultora de moda nos bastidores do SPFW

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Um exemplo: se você ama usar sneakers e marcas como Adidas, deve saber que a label virou sinônimo do hip-hop graças ao Run DMC (grupo de rap que causou um enorme impacto no desenvolvimento do hip hop), os primeiros a lançar uma coleção de moda icônica logo após o single My Adidas. Essa foi a primeira parceria entre uma grande empresa e o gênero musical, que abriu portas para outros grandes nomes do rap internacional como Kanye West, Pharrell Wiliams, Pusha T e Snoop Dogg.

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)
Você veste hip hop? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Os sneakers e os looks esportivos roubam a cena da vez, vide a febre do tênis branco e ugly sneaker que foram parar nas passarelas de grifes tradicionais, como Chanel, Balenciaga e Louis Vuitton.

“Tudo que é novo é filho do hip-hop. Se você olhar em volta, está todo mundo vestindo frutos dessa cultura em várias ocasiões da vida. Música, comportamento e moda: está tudo ligado”, finaliza.

Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)Sabia que você veste hip hop e não sabe? (Foto: Renan Olivetti @olivettirenan)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Meghan Markle poderá ganhar prêmio por seu estilo

Meghan Markle (Foto: Getty Images)Meghan Markle (Foto: Getty Images)

Não é segredo para ninguém que Meghan Markle tem um estilo próprio de se vestir que chama a atenção de muita gente. Além disso, a agora esposa do Príncipe Harry e Duquesa de Sussex, já passou por várias fases quando o quesito é moda, desde que era atriz, até chegar ao status de membro da família real. 

Dito isso, Meghan pode, agora, ser reconhecida pelas suas boas escolhas na moda. A duquesa é o primeiro membro da família real que concorre a um dos prêmios do “Teen Choice Award”, o “Teen Choice Style Icon Award”, que reconhece os melhores na categoria estilo pessoal. As votações acontecem on-line e o evento já premiou nomes como Blake Lively, Harry Styles, Migos, Chadwick Boseman e Zendaya.

A festa de premiação acontecerá na Califórnia no dia 12 de agosto, porém, é bem improvável que Meghan compareça ao evento, já que muito provavelmente estará ocupada com seus afazeres reais. De qualquer forma, já é um grande reconhecimento, não é mesmo?!

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Meghan Markle poderá ganhar prêmio por seu estilo

Meghan Markle (Foto: Getty Images)Meghan Markle (Foto: Getty Images)

Não é segredo para ninguém que Meghan Markle tem um estilo próprio de se vestir que chama a atenção de muita gente. Além disso, a agora esposa do Príncipe Harry e Duquesa de Sussex, já passou por várias fases quando o quesito é moda, desde que era atriz, até chegar ao status de membro da família real. 

Dito isso, Meghan pode, agora, ser reconhecida pelas suas boas escolhas na moda. A duquesa é o primeiro membro da família real que concorre a um dos prêmios do “Teen Choice Award”, o “Teen Choice Style Icon Award”, que reconhece os melhores na categoria estilo pessoal. As votações acontecem on-line e o evento já premiou nomes como Blake Lively, Harry Styles, Migos, Chadwick Boseman e Zendaya.

A festa de premiação acontecerá na Califórnia no dia 12 de agosto, porém, é bem improvável que Meghan compareça ao evento, já que muito provavelmente estará ocupada com seus afazeres reais. De qualquer forma, já é um grande reconhecimento, não é mesmo?!

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Selva Almada critica peso da religião em legalização de aborto no Brasil

Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)

“Educação sexual para decidir, anticoncepcionais para não abortar, aborto legal para não morrer”. Foi sob essas palavras de ordem que 129 deputadas e deputados argentinos aprovaram a descriminalização do aborto no país.

Em votação acirrada, indefinida até os últimos minutos, o projeto de lei que defende a legalização da interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana passou pela Câmara dos Deputados, em Buenos Aires, e agora segue para o Senado. “Havendo aprovação no Senado, existe uma terceira instância, a sanção presidencial. O presidente Mauricio Macri já se pronunciou publicamente dizendo que não iria exercer seu direito de veto, mas não há como ter certeza até o fim do processo todo”, explica a advogada argentina Ana Casarin.

Macri tem dez dias para vetar. Se não o fizer, a lei deve ser publicada no Boletim Oficial e, se não for estipulado um prazo diferente no próprio texto, ela passará a ter vigência oito dias após a publicação. “Porém, para o efetivo exercício do direito, para que as mulheres possam ir na rede pública e ter acesso ao aborto num hospital público, de maneira gratuita e segura, a lei ainda precisa ser regulamentada”, esclarece Ana.

Em entrevista, a escritora argentina Selva Almada, que se opõe ao atual governo, disse que Macri fez o que qualquer governante deve fazer: colocar suas crenças pessoais de lado, abrir o debate, permitir que os cidadãos se pronunciem e que os legisladores trabalhem. “Não sei quais são suas razões mais íntimas, e também não me importo. Há algumas horas, 129 deputados votaram a favor da legalização do aborto graças à luta das mulheres nas ruas.”

Uma das convidadas da Feira Literária de Paraty (Flip) deste ano, Almada é autora do livro do livro Garotas Mortas (ed. Todavia, 128 págs., R$ 40,90), investigação sobre três feminicídios que ocorreram na Argentina logo após a redemocratização do país.  

A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)

Mortes maternas

“A clandestinidade mata”, pontuou a deputada argentina Victoria Donda Perez na defesa de seu voto. Seu pensamento é amplamente difundido entre as mulheres do país, que fazem questão de reforçar que essa batalha já vem sendo travada há anos. “Nos últimos meses, o debate se deu aos gritos, em voz alta, mas não começou agora. Podemos dizer que agora tomou a sociedade. Todos e todas nos animamos a falar de algo que era um segredo aberto: o aborto existe, são 500 mil por ano, a questão é descriminalizá-lo”, defende Almada.

Segundo a Anistia Internacional, o aborto é a principal causa de morte materna (quando mulheres morrem durante ou até 42 dias após o término da gestação, independentemente da duração ou localização da gravidez) em 17 das 24 províncias argentinas.

“Apesar de a geração da vida exigir duas pessoas, os ônus da gravidez recaem única e exclusivamente sobre a mulher”, diz a advogada Marina Ganzarolli, fundadora da rede feminista de juristas deFEMde. A descriminalização da prática traria a “melhora dos índices de mortalidade materna e dos indicadores gerais de saúde sexual e reprodutiva das mulheres.”

Do lado de cá da fronteira

No Brasil, o aborto é crime para o qual existem três exceções: quando há risco de morte para a mãe, quando a gravidez é decorrente de estupro e em casos de feto anencéfalo. “Duas delas são legais, escritas no código penal. A terceira foi conquistada por jurisprudência, por decisão do Supremo Tribunal Federal”, explica Marina.

Todas as outras possibilidades são criminalizadas. “Isso faz com que agentes de saúde, médicos e enfermeiros tenham receio de realizar o procedimento, inclusive em casos legais. Muitos alegam objeção de consciência e não garantem a lei. Em alguns estados, essa é a primeira causa da morte materna, como por exemplo na Bahia, que é o estado com mais mulheres negras no Brasil.”

“O aborto já existe para mulheres brancas com privilégios econômicos. Então, quando a gente fala de direito ao aborto, fala de direito à vida”

Para ela, a questão ainda vai além da saúde pública e recai na liberdade e autonomia sobre o corpo. “Um dos mitos que envolvem o debate é que a legalização geraria um aumento no número de procedimentos, o que é a maior falácia do universo. Países que legalizaram o aborto e têm extensas pesquisas baseadas em evidências viram o número cair”, pontua.

Diferentemente da Argentina, pesquisas apontam que o tema do aborto divide opiniões entre a população brasileira, mas a maioria ainda é contra. Um levantamento do Latinobarômetro de 2015 aponta que 50,3% dos brasileiros defendem que o aborto “nunca é justificável”.

Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)

Selva Almada acredita que o fato se dá pela influência da igreja no país. “Além do enorme peso da igreja católica, vocês também têm a popularidade da igreja evangélica”, diz. Na Argentina, existe uma melhor separação entre a igreja e o Estado. “No papel, somos países laicos, mas na prática, infelizmente, o catolicismo pesa nas decisões do Estado.”

“Espero que a Argentina abra um precedente para outros países da América Latina, porque obviamente não somos o único país em que as mulheres pobres morrem por abortar clandestinamente”

ADPF 442

A ministra Rosa Weber, relatora da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442, convocou uma audiência pública para debater a criminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. O objetivo é que o STF exclua do Código Penal a interrupção da gestação induzida e voluntária nas primeiras 12 semanas.

Marina Ganzarolli diz que a decisão na Argentina é positiva para o Brasil. “O principal impacto é movimentar a esfera pública e o debate na mídia, na família e nas escolas sobre a necessidade de rever a política pública e o acesso aos direitos sexuais reprodutivos das mulheres.”

Dado o atual contexto político do Brasil, no entanto, Marina não acredita que esse direito seja conquistado neste momento. “O STF não quer se colocar na berlinda com tamanha instabilidade política e ainda não tem maioria para ampliar, legalizar e descriminalizar o aborto no Brasil.”

A advogada Vivian Ferreira, também integrante da deFEMde, destaca ainda a falta de tempo hábil para a aprovação de uma pauta como essa antes das eleições e o desinteresse do governo Temer na pauta. “A questão é bastante polêmica e o governo está em uma condição complicada do ponto de vista de legitimidade, com baixíssimo índice de aprovação. Não poderia correr o risco de perder o apoio dos setores conservadores, que o sustentam, a poucos meses do processo eleitoral”, diz.

A audiência pública será realizada no plenário da 1ª Turma do Supremo, nos próximos dias 3 e 6 de agosto, a partir das 8h40.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Agencias de Modelos BH Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Selva Almada critica peso da religião em legalização de aborto no Brasil

Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)Mulheres argentinas vão às ruas para protestar pela legalização do aborto no país (Foto: Getty Images)

“Educação sexual para decidir, anticoncepcionais para não abortar, aborto legal para não morrer”. Foi sob essas palavras de ordem que 129 deputadas e deputados argentinos aprovaram a descriminalização do aborto no país.

Em votação acirrada, indefinida até os últimos minutos, o projeto de lei que defende a legalização da interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana passou pela Câmara dos Deputados, em Buenos Aires, e agora segue para o Senado. “Havendo aprovação no Senado, existe uma terceira instância, a sanção presidencial. O presidente Mauricio Macri já se pronunciou publicamente dizendo que não iria exercer seu direito de veto, mas não há como ter certeza até o fim do processo todo”, explica a advogada argentina Ana Casarin.

Macri tem dez dias para vetar. Se não o fizer, a lei deve ser publicada no Boletim Oficial e, se não for estipulado um prazo diferente no próprio texto, ela passará a ter vigência oito dias após a publicação. “Porém, para o efetivo exercício do direito, para que as mulheres possam ir na rede pública e ter acesso ao aborto num hospital público, de maneira gratuita e segura, a lei ainda precisa ser regulamentada”, esclarece Ana.

Em entrevista, a escritora argentina Selva Almada, que se opõe ao atual governo, disse que Macri fez o que qualquer governante deve fazer: colocar suas crenças pessoais de lado, abrir o debate, permitir que os cidadãos se pronunciem e que os legisladores trabalhem. “Não sei quais são suas razões mais íntimas, e também não me importo. Há algumas horas, 129 deputados votaram a favor da legalização do aborto graças à luta das mulheres nas ruas.”

Uma das convidadas da Feira Literária de Paraty (Flip) deste ano, Almada é autora do livro do livro Garotas Mortas (ed. Todavia, 128 págs., R$ 40,90), investigação sobre três feminicídios que ocorreram na Argentina logo após a redemocratização do país.  

A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)A escritora argentina Selva Almada (Foto: Divulgação)

Mortes maternas

“A clandestinidade mata”, pontuou a deputada argentina Victoria Donda Perez na defesa de seu voto. Seu pensamento é amplamente difundido entre as mulheres do país, que fazem questão de reforçar que essa batalha já vem sendo travada há anos. “Nos últimos meses, o debate se deu aos gritos, em voz alta, mas não começou agora. Podemos dizer que agora tomou a sociedade. Todos e todas nos animamos a falar de algo que era um segredo aberto: o aborto existe, são 500 mil por ano, a questão é descriminalizá-lo”, defende Almada.

Segundo a Anistia Internacional, o aborto é a principal causa de morte materna (quando mulheres morrem durante ou até 42 dias após o término da gestação, independentemente da duração ou localização da gravidez) em 17 das 24 províncias argentinas.

“Apesar de a geração da vida exigir duas pessoas, os ônus da gravidez recaem única e exclusivamente sobre a mulher”, diz a advogada Marina Ganzarolli, fundadora da rede feminista de juristas deFEMde. A descriminalização da prática traria a “melhora dos índices de mortalidade materna e dos indicadores gerais de saúde sexual e reprodutiva das mulheres.”

Do lado de cá da fronteira

No Brasil, o aborto é crime para o qual existem três exceções: quando há risco de morte para a mãe, quando a gravidez é decorrente de estupro e em casos de feto anencéfalo. “Duas delas são legais, escritas no código penal. A terceira foi conquistada por jurisprudência, por decisão do Supremo Tribunal Federal”, explica Marina.

Todas as outras possibilidades são criminalizadas. “Isso faz com que agentes de saúde, médicos e enfermeiros tenham receio de realizar o procedimento, inclusive em casos legais. Muitos alegam objeção de consciência e não garantem a lei. Em alguns estados, essa é a primeira causa da morte materna, como por exemplo na Bahia, que é o estado com mais mulheres negras no Brasil.”

“O aborto já existe para mulheres brancas com privilégios econômicos. Então, quando a gente fala de direito ao aborto, fala de direito à vida”

Para ela, a questão ainda vai além da saúde pública e recai na liberdade e autonomia sobre o corpo. “Um dos mitos que envolvem o debate é que a legalização geraria um aumento no número de procedimentos, o que é a maior falácia do universo. Países que legalizaram o aborto e têm extensas pesquisas baseadas em evidências viram o número cair”, pontua.

Diferentemente da Argentina, pesquisas apontam que o tema do aborto divide opiniões entre a população brasileira, mas a maioria ainda é contra. Um levantamento do Latinobarômetro de 2015 aponta que 50,3% dos brasileiros defendem que o aborto “nunca é justificável”.

Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)Brasileira também protestaram pelos direitos das mulheres em setembro de 2017 (Foto: Getty Images)

Selva Almada acredita que o fato se dá pela influência da igreja no país. “Além do enorme peso da igreja católica, vocês também têm a popularidade da igreja evangélica”, diz. Na Argentina, existe uma melhor separação entre a igreja e o Estado. “No papel, somos países laicos, mas na prática, infelizmente, o catolicismo pesa nas decisões do Estado.”

“Espero que a Argentina abra um precedente para outros países da América Latina, porque obviamente não somos o único país em que as mulheres pobres morrem por abortar clandestinamente”

ADPF 442

A ministra Rosa Weber, relatora da Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442, convocou uma audiência pública para debater a criminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. O objetivo é que o STF exclua do Código Penal a interrupção da gestação induzida e voluntária nas primeiras 12 semanas.

Marina Ganzarolli diz que a decisão na Argentina é positiva para o Brasil. “O principal impacto é movimentar a esfera pública e o debate na mídia, na família e nas escolas sobre a necessidade de rever a política pública e o acesso aos direitos sexuais reprodutivos das mulheres.”

Dado o atual contexto político do Brasil, no entanto, Marina não acredita que esse direito seja conquistado neste momento. “O STF não quer se colocar na berlinda com tamanha instabilidade política e ainda não tem maioria para ampliar, legalizar e descriminalizar o aborto no Brasil.”

A advogada Vivian Ferreira, também integrante da deFEMde, destaca ainda a falta de tempo hábil para a aprovação de uma pauta como essa antes das eleições e o desinteresse do governo Temer na pauta. “A questão é bastante polêmica e o governo está em uma condição complicada do ponto de vista de legitimidade, com baixíssimo índice de aprovação. Não poderia correr o risco de perder o apoio dos setores conservadores, que o sustentam, a poucos meses do processo eleitoral”, diz.

A audiência pública será realizada no plenário da 1ª Turma do Supremo, nos próximos dias 3 e 6 de agosto, a partir das 8h40.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Agencias de Modelos BH Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model

Mariana Ximenes: “Não faz sentido que, apenas por ser mulher, eu ganhe menos”

Mariana Ximenes veste Dior (Foto: Daniela Petrel)Mariana Ximenes veste Dior (Foto: Daniela Petrel)

Em Cannes, onde apresentou o filme “O grande Circo Místico”, Mariana Ximenes, aos 37 anos, fala sobre a carreira de atriz e os novos rumos da profissão em relação à igualdade salarial entre homens e mulheres. E, claro, também não deixou de falar como mantem a boa forma.

O que está vendo de novo em Cannes nesta sua passagem? Fica até quando?
Mariana Ximenes:
Nossa, o festival é incrível porque você respira cinema o tempo todo, tem sessões de 8h30 até meia-noite. Você pode assistir a filmes clássicos como “Um corpo que cai”, de Hitchcock, ou “Grease” como pode ver o último do Spike Lee. Pode ir nos estandes  experimentar cinema de realidade virtual. É uma imersão, você conhece muita gente, troca experiências. Eu fiquei muito feliz por estar no festival este ano em que uma mulher, uma atriz do tamanho da Cate Blanchet, foi a presidente do júri. Das 71 edições, apenas 12 tiveram mulheres nessa posição.

Como foi apresentar “O grande circo místico” em Cannes? um local tão mítico para o cinema?
MX:
Foi muito emocionante. Esse foi um daqueles momentos em que você carrega para a vida toda! O primeiro “Tapis rouge” você nunca esquece, ainda mais tão bem acompanhada como eu estava! Cannes é emblemático quando falamos de cinema, grandes obras foram exibidas ali e, mais do que isso, para pessoas que apreciam profundamente a sétima arte. Foi muito especial também porque nosso mestre Cacá Diegues (diretor) foi homenageado pela organização do festival e nosso filme foi muito bem recebido.

Beleza pura (Foto: Daniela Petrel)Beleza pura (Foto: Daniela Petrel)

Você participou do protesto que contou com 82 mulheres por mais igualdade no festival e por igualdade salarial na indústria. Acredita que isso seja possível mudar?
MX:
Esse protesto foi um marco no principal festival de cinema do mundo. É impressionante você pensar que em 71 anos do Festival de Cannes, apenas 82 filmes dirigidos por mulheres chegaram à premiação. Essa movimentação mostra a conscientização de que a mudança é urgente, necessária. Mulheres do mundo inteiro se unindo para reivindicar condições de trabalho iguais já mostra que é preciso refletir sobre isso e agir. Então, é claro que acredito que pode mudar. E tem que mudar mesmo porque não dá para acreditar que uma mulher seja protagonista e ganhe bem menos do que o ator que seja seu colega de cena. O discurso da Francis McDormand no Oscar deste ano, o da Patricia Arquette, quando ganhou o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2015, são indícios fortes que as coisas já estão nesse caminho de transformação. O que temos que fazer é continuar lutando, falando sobre essa desigualdade e combatê-la.

Você como mulher se sente prejudicada quando ganha menos que um homem?
MX:
Não é uma questão de se sentir prejudicada. A discussão vai além disso. A pergunta é: se eu desempenho um papel tão importante quanto o de um homem em cena, por que também não receber o mesmo valor? Gravamos as mesmas horas, temos a mesma quantidade de trabalho. Não faz sentido que, apenas por ser mulher, eu ganhe menos.

Mariana Ximenes veste Dior (Foto: Daniela Petrel)Mariana Ximenes veste Dior (Foto: Daniela Petrel)

Quais seus próximos planos? Alguma novela em vista?
MX:
Além de “O grande circo místico”, que ainda vai estrear no Brasil, gravei a série “Se eu fechar os olhos agora”, que ainda não tem data de estreia. Na história dos anos 50/60,  que é inspirada na obra homônima de Edney Silvestre, eu interpreto Adalgisa, mulher forte, espirituosa, à frente do seu tempo, mulher do personagem de Gabriel Braga Nunes, e que vai se envolver num grande mistério ao longo da trama.

O que faz para se manter tão bela?
MX:
De uns tempos para cá, dei uma ênfase em meditação, yoga, uma busca por uma conexão maior comigo mesma. Tanto que minha viagem passou por Bali, que tem essa atmosfera, lugar que tem uma força tremenda. Também gosto de cuidar da minha saúde e do meu bem-estar. Amo comer, mas procuro me alimentar com consciência. A chave de tudo na vida é o equilíbrio e tenho buscado isso cada vez mais. Adoro me exercitar… Tento dormir bem também, embora durma menos do que gostaria porque sou muito animada e me envolvo com vários projetos e assuntos ao mesmo tempo (risos).

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos SPFW Revista Epoca Vogue Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Melhores Agencias de modelos do Brasil Agencias de Modelos do Brasil Linksweb Neoplanos Agentes do Alem 3ICAP Premio de Moda AnuarioTI Governo Estadão – Caderno de Moda Beleza, Moda e Agencias de Modelos do Brasil Mural Fashion ID Porto Alegre Fashionlines Balenciaga Pebblebeb Sweetyus O Povo Hubblo Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Agencias de Modelos e Top Models UOL Estilo G1 Moda Jornal O Globo Folha S.Paulo Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL , LEQUIPE AGENCE, Way Model